Frederik Barbieri se declara culpado por tráfico internacional de armas
16/05/2018 20:11 em Geral

O carioca Frederik Barbieri, apontado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro como o maior traficante de armas do país, se declarou culpado durante audiência realizada na terça-feira (15) na Flórida, Estados Unidos, de acordo com nota divulgada pelo Departamento de Justiça americano. Barbieri está preso nos Estados Unidos desde fevereiro, após uma ação integrada entre a polícia do Rio e agências federais americanas.

 

O acusado deve ser condenado em 19 de julho, na Flórida, e segundo o departamento de Justiça. Ele pode receber uma pena de até 25 anos de prisão

 

O acusado deve ser condenado em 19 de julho, na Flórida, e segundo o departamento de Justiça. Ele pode receber uma pena de até 25 anos de prisão

 

Barbieri é apontado pela Polícia Civil do Rio como o responsável por enviar 60 fuzis, em maio de 2017, de Miami para o Rio. As armas foram interceptadas no aeroporto do Galeão, na maior apreensão de armas da história do país.

 

As armas - AK-47, G3 e AR-10 - estavam escondidas em contêineres, em meio a uma carga de aquecedores para piscinas.

 

Um dos suspeitos de integrar a quadrilha, o traficante internacional de armas Victor Hugo Ferreira dos Santos foi preso meses depois na Região dos Lagos.

 

Fabrício Oliveira, delegado titular da Desarme (Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos), disse que Frederik Barbieri responde a outros processos por tráfico de armas no Brasil. No entanto, o delegado não acredita numa possível extradição do suspeito, já que ele é cidadão americano.

 

 

O R7 procurou a defesa do acusado e aguarda retorno.

Fonte:r7com.br

 

COMENTÁRIOS